Onde estamos

Em Sines, desde 4 de Julho de 2003, ao fundo da avenida principal da cidade, onde acabam os prédios e começam as vivendas, volta à esquerda e... chegou!

Av. 25 de Abril, 8 - loja C

7520-107 SINES

T.: 269630954

F.: 269630955

adasartes@gmail.com

http://adasartes.blogspot.com

quarta-feira, julho 22, 2015

Vencedores do Prémio Leya em Sines!

Afonso Reis Cabral nasceu em Lisboa em 1990 e cresceu no Porto onde estudou, no Colégio dos Cedros até ao 9º ano e na Escola Secundária Rodrigues de Freitas. Em 2005 publicou o livro de poemas “Condensação” onde reúne poemas escritos entre os 10 e os 15 anos. Afonso escreve desde os 9 anos, começou na poesia e depois experimentou a prosa. Em 2008 ficou em 8º lugar no “7th European Student Competition in Ancient Greek Language and Literature” entre 3532 concorrentes de 551 escolas europeias e mexicanas. Foi o único português a concorrer.

É licenciado em Estudos Portugueses e Lusófonos, pela Universidade Nova de Lisboa, onde foi o melhor aluno do seu curso, tendo recebido o Prémio Mérito e Excelência. Na mesma instituição fez um mestrado em Estudos Portugueses subordinado ao tema "A Orquestra Oculta - os estudos da consciência e a literatura", tendo obtido, na sua dissertação de mestrado, uma excelente classificação.
Trabalhou como revisor em diversas editoras e sempre se imaginou a trabalhar na área cultural. Atualmente trabalha numa editora.

Nuno Camarneiro nasceu em 1977. Natural da Figueira da Foz, Portugal, licenciou-se em Engenharia Física pela Universidade de Coimbra, onde se dedicou à investigação durante alguns anos. Foi membro do GEFAC (Grupo de Etnografia e Folclore da Academia de Coimbra) e do grupo musical Diabo a Sete, tendo ainda integrado a companhia teatral Bonifrates. Trabalhou no CERN (Organização Europeia para a Investigação Nuclear) em Genebra e concluiu o doutoramento em Ciência Aplicada ao Património Cultural em Florença. Em 2010 regressou a Portugal, onde exerce actividade de investigação na Universidade de Aveiro e é professor na Licenciatura em Conservação e Restauro na Universidade Portucalense do Porto. Começou por se dedicar à micronarrativa, tendo alguns dos seus contos sido publicados em colectâneas e revistas. Editou o seu primeiro romance, No Meu Peito não Cabem Pássaros, na Dom Quixote, em Junho de 2011. Se eu fosse chão é o seu livro mais recente, editado em Maio de 2015.

segunda-feira, junho 15, 2015

Livraria preferida dos portugueses 2015!!!!

Depois de, em 2014, a livraria A das Artes ter sido agraciada com o Prémio Melhor Atendimento do certame Livraria Preferida organizado pela APEL, em 2015 não só renovámos aquele galardão como ainda fomos contemplados com o prémio máximo "Livraria Preferida de Portugal"!

Obrigado. A todos os nossos clientes, amigos, vendedores, editores e distribuidores que, ao longo do tempo, confiaram em nós ajudando-nos a ser uma livraria. A A Das Artes Livraria.
Bem-hajam!
Joaquim Gonçalves com Dina Silva

terça-feira, março 03, 2015

Eduardo Padura - novo livro!

Hereges, novo livro de Leonardo Padura, no escaparate d'A das Artes!
Em 1939, o S.S. Saint Louis, onde viajavam novecentos judeus fugidos da Alemanha, passou vários dias ancorado no porto de Havana à espera de autorização para desembarcar. Um rapaz, Daniel Kaminsky, e o tio aguardam no cais a saída dos familiares, confiantes de que estes tentariam os oficiais havaneses com o tesouro que traziam escondido: uma pequena tela de Rembrandt, na posse dos Kaminsky desde o século XVII. Mas o plano fracassou e o transatlântico regressou à Europa, levando consigo qualquer esperança de reencontro e condenando muitos dos seus passageiros.
Volvidos largos anos, em 2007, quando essa tela vai a leilão em Londres, o filho de Daniel, Elías, viaja dos Estados Unidos a Havana para descobrir o que aconteceu com o quadro e com a sua família. Só um homem como o investigador Mario Conde o poderá ajudar. Elías descobre então que o pai vivia atormentado por um crime, e que esse quadro, uma imagem de Cristo, teve como modelo outro judeu, que quis trabalhar no atelier de Rembrandt e aprender a pintar com o mestre.
Hereges é um romance absorvente sobre uma saga judaica que chega até aos nossos dias e que vem confirmar o autor como um dos narradores mais ambiciosos e internacionais da língua espanhola.
Também disponível "O homem que gostava de cães".

sábado, fevereiro 28, 2015

Envios com portes grátis!



Envie-nos um mail para adasartes@gmail.com:

- o seu pedido;
- identificação - nome e morada para onde pretende que enviemos a encomenda.

Na resposta, mencionaremos:

- o valor da sua encomenda. Os portes, para Portugal, são grátis;
- o n/NIB para que, confortavelmente, possa fazer a respectiva transferência bancária.

Quando fizer o pagamento, envie-nos para adasartes@gmail.com o respectivo comprovativo.

Logo que nos chegue o comprovativo, a encomenda seguirá por correio ou transportadora, conforme o seu peso.

Obrigado!

Siga-nos no Facebook - A das Artes Livraria

sábado, novembro 08, 2014

terça-feira, setembro 30, 2014

Tiago Patrício em Sines!

O escritor Tiago Patrício vai estar na livraria A das Artes, em Sines, para apresentar a sua obra e conversar com os leitores!

Tiago Patrício, galardoado em 2011 com o Prémio Literário Revelação Agustina Bessa-Luís, vai estar na A Das Artes Livraria, já no próximo sábado, 4 de Outubro, às 18 horas, para apresentar a sua obra.
Tiago Patrício nasceu no Funchal em 1979 e viveu em Carviçais (Torre de Moncorvo) até aos 19 anos.
É licenciado em Ciências Farmacêuticas e estuda Literatura e Filosofia na Universidade de Lisboa.
Começou a ser publicado entre 2007 e 2010, nas colectâneas Jovens Escritores, do Clube Português de Artes e Ideias.
Venceu vários prémios em poesia (Daniel Faria, Natércia Freire) e teatro (Luso-Brasileiro) e publicou O Livro das Aves, Cartas de Praga, Checoslováquia.
Escreve para as companhias Estaca Zero e Ponto Teatro (Porto) e para a companhia teatromosca (Sintra).
Alguns dos seus textos estão publicados em França, Egipto, Eslovénia e República Checa. Com o primeiro romance, Trás-os-Montes vence o Prémio Literário Revelação Agustina Bessa-Luís, em 2011.
Em 2013, publica Mil Novecentos e Setenta e Cinco e, em 2013, O Estado de Nova Iorque

quinta-feira, maio 15, 2014

segunda-feira, dezembro 23, 2013

terça-feira, novembro 26, 2013

quarta-feira, setembro 25, 2013

terça-feira, junho 04, 2013

quinta-feira, maio 23, 2013

quarta-feira, abril 03, 2013

sábado, março 09, 2013

Azulejos Cortiço & Netos

Já chegaram os COMBOS de azulejos Cortiço & Netos!

Resultam de uma combinação de quatro azulejos distintos seleccionados da colecção C&N. Evocam um passado, uma memória e um património, tornando-o, assim, Presente. Para já, temos quatro COMBOS diferentes, numerados de 1 a 4 (sequência das fotos abaixo).


Há 30 anos que a Cortiço & Netos armazena e comercializa o que poderá ser considerado o maior espólio de azulejo industrial Português. O stock provém maioritariamente de linhas de produção descontinuadas, recolhidas junto de fábricas e distribuidores ao longo dos anos.

Na colecção encontram-se revestimentos cerâmicos e loiças sanitárias que abrangem exemplares produzidos desde a década de 60 (alguns anteriores) em diante. Muitas das fábricas foram já extintas, e são um marco importante na história da produção industrial Portuguesa. Desta maneira, os produtos disponíveis na C&N são únicos, e um testemunho inestimável do património industrial Português. Alguns exemplos de fabricantes e marcas que fazem parte do nosso espólio: Aleluia, Amarona, Azupal, Cavalinho, Celena, Ceres, Ceralco, Cesol, CIC, Coimbra, Constância, Decocer, Estaco, Gresval, Loiças de Sacavém, Sanitana, Lufapo, Poceram, Revigrés, Roca, Valadares, Viúva Lamego.
A C&N orgulha-se da sua colecção e reconhece o seu valor histórico e cultural, pelo que paralelamente à actividade comercial, que impulsionar uma investigação aprofundada sobre o azulejo industrial Português. Para tal, tem vindo a desenvolver esforços de cooperação com Universidades nacionais, de forma a promover projectos de pesquisa académica sobre este tema (mais em Investigação).
O material da C&N atrai também a atenção de artistas, designers e arquitectos que utilizam o stock (principalmente os azulejos) nos seus projectos.
A Cortiço e Netos é uma empresa familiar, fundada por Joaquim Cortiço (avô), ainda em funções, e cujos netos querem agora ter um papel activo para continuar aquilo que acham ser um legado da maior importância.









terça-feira, fevereiro 26, 2013

sexta-feira, novembro 16, 2012

Fernando Évora e Germana Pata-Roxa em Sines!

As histórias que neste livro se contam, aparentemente sem conexão entre si, unem-se num final surpreendente.A linguagem, despretensiosa e simples, está polvilhada de ironia. Os personagens, admiráveis e autênticos, são tendencialmente queirosianos — gente comum, com as suas fraquezas e vícios, e com a grandiosidade dos seus sonhos. Os enredos, esses, absorvem-se de um fôlego e a narrativa, descomplicada, revela grande humanismo.Histórias, enfim, que divertem pelo que têm de caricato e inesperado, mas que deixam uma réstia de inquietação no leitor, que inevitavelmente há-de rever-se em muitas delas.
O autor é um dos mais notáveis contadores de histórias do panorama literário português contemporâneo. E esta sua nova obra, sendo um livro de contos, não é uma mera colectânea: é uma história complexa feita de histórias simples mas poderosas, pertencentes, todas elas, ao mesmo narrador.
SOBRE O AUTOR:Fernando Évora. Nasceu em Faro, em 1965. Tem-se afirmado como autor de contos, modalidade onde já obteve vários prémios literários. Além de alguns textos dispersos e incursões na literatura infantil, publicou uma novela histórica, A fonte de Mafamede, e uma quase-fábula, Como se de uma fábula se tratasse. Publicou também, já com a Esfera do Caos, No País das Porcas-Saras, um pequeno e apaixonante romance que cativou leitores e que mereceu o aplauso da crítica.

sexta-feira, outubro 19, 2012

A Crioula apresenta-se em Sines


 "A narrativa situa-se nas últimas décadas da presença portuguesa em África e nos primórdios da independência de Cabo Verde.

Aborda o papel que muitos portugueses e crioulos tiveram nesses cruzamentos da história, sendo atribuída às principais personagens uma forte cumplicidade afectiva e humana, que pode exemplificar a referência de amizade sempre existente entre os dois povos irmãos. Miranda de Vasconcellos, médico, natural da aldeia da Fonte (Melides), a exercer na vila do Tarrafal e Alzira, mulata, fermento de uma ilha (Santiago, Cabo Verde) e de uma cultura crioula, carregam percursos de vida que asseguram o fio condutor de uma narrativa marcada pelos sentimentos de quem tem apenas o céu e o mar como fronteiras.

Ao longo da história marca presença o papel histórico da mulher crioula no sofrimento das suas gentes, nas incertezas do futuro, no amor a quem lhe é próximo, na revolta para com o sistema colonial e no júbilo do nascimento de uma nova pátria."

Da obra do autor, António Gamito Chaínho, figuram os seguintes títulos, que vão do trabalho académico à ficção: Em procura de um projecto de desenvolvimento local (1997); Educar para preservar (1998); Ruralidades (2002); Vinte anos de reflexões (2003); Filhos do tempo (2004); Percursos, Memórias e Projectos/co-autor (2005); Trilhos de Abril (2006); Poder local em Grândola 1974/2005 (2008); O sonho do Comendador (2010).

segunda-feira, agosto 20, 2012

Angola. chamas da Liberdade


A livraria A das Artes, a editora Prime-Books e o Autor convidam para o pré-lançamento do livro
Angola. Chanas de Liberdade
de
Francisco do Ó Pacheco
com a presença do Autor
a ter lugar
Sábado, 25 de Agosto - 16h
na livraria A das Artes, em Sines
Entrada Livre

quinta-feira, agosto 09, 2012

Hugo Carvalhais novo disco n'A das Artes

HUGO CARVALHAIS
Partícula

After the success obtained by his debut CD, “Nebulosa”, a couple of years ago, expectations were high regarding the next step to be walked by Portuguese bassist and composer Hugo Carvalhais with his fixed trio, including pianist and synthesizer player Gabriel Pinto and drummer Mário Costa. Here it is, and fulfilling entirely our most ambitious desires. Now, in “Particula”, instead of the American saxophonist Tim Berne as special guest, we have two French musicians of similar importance: the soprano revelation Émile Parisien, member of Daniel Humair’s New Reunion Quartet and a frequent Carvalhais collaborator on stage, and violinist Dominique Pifarély, a regular Louis Sclavis companion. Together, they very rarely form a quintet – more often, we find in this recording a series of quartets, trios, duos and solos, always presenting fresh and defying associations between pre-established structures and improvisation. With this second opus, Carvalhais confirms all the assumptions we made about his future. Remember this name, because certainly more will come.

Outros títulos distribuição Trem Azul (Clean Feed) em stock:

Bernardo Sassetti Nocturno BERNARDO SASSETTI                                  
Bernardo Sassetti Indigo BERNARDO SASSETTI                                    
Bernardo Sassetti Unreal Sidewalk cartoon BERNARDO SASSETTI                   
Bernardo Sassetti WILL HOLSHOUSER TRIO + BERNARDO SASSETTI                    
Bernardo Sassetti Motion BERNARDO SASSETTI trio                               
Bernardo Sassetti Alice BERNARDO SASSETTI                                     
Bernardo Sassetti Duvida 1964 BERNARDO SASSETTI                               
Bernardo Sassetti amor de perdicao, Um BERNARDO SASSETTI                      
Bernardo Sassetti Ascent BERNARDO SASSETTI trio 2                             
Bobby Bradford Live in LA BOBBY BRADFORD MARK FRESSER GLENN FERRIS         
Carlos Barreto Radio Song CARLOS BARRETO                                   
Carlos Barreto Labirintos CARLOS BARRETO LOKOMOTIV                         
Carlos Bica CARLOS BICA + MATERIA PRIMA                                 
Carlos Bica Things about CARLOS BICA & AZUL                             
Cecil Taylor Hard driving jazz CECIL TAYLOR QUINTET                      
Filactera Filactera                                                   
Filipe Felizardo Guitar soli for the Moa and the Frog FILIPE FELIZARDO       
Filipe Melo Debut FILIPE MELO                                           
Hugo Carvalhais Particula HUGO CARVALHAIS                                   
Joana Carneiro JOANA CARNEIRO ORQUESTRA GULBENKIAN TCHAIKOVSKY             
Joana Carneiro Pedro e o Lobo JOANA CARNEIRO                               
João Paulo sete ilhas de Lisboa, As JOAO PAULO PAULO CURADO BRUNO PEDRO
João Paulo Memorias de quem JOAO PAULO                                 
João Paulo Scape Grace DENNIS GONZALEZ JOAO PAULO DUO                  
João Paulo So soft yet DENNIS GONZALEZ JOAO PAULO                      
Jorge Lima Barreto Zul Zelub JORGE LIMA BARRETO                                
Júlio Rezende You taste like a song JULIO RESENDE TRIO                    
Laurent Filipe luz, A LAURENT FILIPE                                       
Lokomotiv Lokomotiv                                                   
Mário Laginha Espaco MARIO LAGINHA TRIO                                   
Martial Solal MARTIAL SOLAL first recordings The trio sessions            
Olga Prats Piano singular OLGA PRATS                                   
Pão Pão                                                         
Paula Oliveira Quase entao                                                 
Paulo Curado The bird The breeze and Mr Filiano PAULO CURADO             
Randy Weston Zulu RANDY WESTON                                           
Ravish Momins Miren A longing RAVISH MOMINS TRIO TARANA                   
Red Trio RED TRIO                                                    
Sara Serpa Camera obscura SARA SERPA                                   
Sara Serpa Mobile SARA SERPA                                           
Sei Miguel Esfingico SEI MIGUEL                                        
Telectu Telectu - Quartetos                                         
TGB TGB Tuba Guitarra Bateria                                   
Toni Harper TONI HARPER sings                                           
Toshiko Akiyoshi TOSHIKO AKIYOSHI her trio her quartet                       
Zé Eduardo jazzar no Zeca, A ZE EDUARDO UNIT                           
Zé Eduardo Bad Guys ZE EDUARDO JACK WALRATH QUARTET                    
Zé Eduardo ZE EDUARDO UNIT LIVE IN CAPUCHOS                            

sexta-feira, julho 27, 2012

David Machado e João Tordo

Sexta, 27 Julho, 17 h.
Centro de Artes de Sines
Encontro com Escritores
João Tordo
e
David Machado
(actividades paralelas do Festival Músicas do Mundo)

http://fmm.com.pt/programa-2012/iniciativas-paralelas/encontro-com-escritores-joao-tordo-e-david-machado/

sábado, junho 09, 2012

Poetas alentejanos - apresentação em Sines



A Nova Antologia de poetas Alentejanos tem “como limites geográficos a Região do Alentejo e como protagonistas os naturais, vivendo cá ou na diáspora, e também os que no Alentejo se radicaram e assumem como tal. Esta Antologia alia o rigor literário e a preservação da Memória de um tempo histórico, ao entusiasmo e à entrega de activamente contribuir para que seja reconhecido o valor e o espaço próprio aos Poetas que dela fazem parte e a sua importância num Portugal e num Alentejo que se (re)constrói em cada dia, reinvindicando um futuro solidário e harmonioso, alicerçado na Identidade e na Memória, marca indelével de se ser Alentejano” (…) “e porque este é um trabalho pioneiro, importante para o património futuro do Alentejo, quer pelo seu valor literário, quer pelo seu valor simbólico, porque fomentador da nossa auto-estima enquanto Alentejanos, esperamos assim contribuir para dar continuidade ao grandioso trabalho empreendido por Francisco Dias da Costa.”

Índice:

Introdução
Prefácio
Margem Sul (Canção Patuleia)
Paulo Ribeiro
Antónia Vilar
António Adriano Pires Ventura
António Couvinha
António José da Costa Neves
António Jorge Serafim
António Manuel Revez
António Murteira
Arlinda Mártires
César Pires
Eduardo M. Raposo
Elisa Valério
Fernando Correia Pina
Fernando Salgueiro de Sousa
Francisco do Ó Pacheco
Francisco Naia
Henrique Matos
Hugo Santos
Janita Salomé
Jao Suão
João Cágado
João Monge
João Paulo Coelho
Joaquim Palma
José António Chocolate Contradanças
José Luís Peixoto
José Miguel Pinheiro de Oliveira
José Rodrigues Vilhena
José Santos Guerra
Joseia Matos Mira
Luís Ferreira
Luísa Venâncio
Manuel Fialho
Manuel Gonçalves
Manuel Gusmão
Manuela Parreira da Silva
Margarida Morgado
Maria Cravidão
Maria José Lascas Fernandes
Maria Vitória Afonso
Miguel Rego
Monarca Pinheiro
Nogueira Pardal
Orlando Fernandes
Paulo Barriga
Raul Cóias
Rita Peixinhos
Teresa Cuco
Vitorino Salomé
Vítor Encarnação

Amor sem fim - Hilda Bernardette em Sines



Sentada na varanda da sua casa, numa cadeira de baloiço feita de palha, do século passado, oriunda dos seus avós, deixava-se embalar sob céu estrelado e não conseguia impedir a lágrima que escorria dos seus olhos escuros e fundos, pensava na sua filha Joana…”
Susana conta de uma forma apaixonante a história da sua filha Joana, adotada com 11 meses. As dúvidas e angústias que surgiram na família sobre quando, e se deveriam, contar a verdade. Relata a vida de uma família que tem de passar por um processo de adoção e o turbilhão de emoções e de sentimentos que vivem.
Susana relata a história da sua família com um carinho impressionante! Pelo caminho fica a vida de seus outros dois filhos, Luís e Filipe!
Amor Sem Fim é muito mais do que um livro, é um apelo à união familiar e à felicidade.

Hilda Bernadette da Silva Pereira Torres nasce em Brazzaville no Congo decorria o ano de 1974. Ao fim de um ano parte para o Brasil onde reside até aos 14 anos, depois veio para Portugal de onde nunca mais saiu.
 Com 20 anos de casamento. Os seus filhos; Luís Carlos (Luka) de 19 anos e Daniel Filipe de 15 anos são tudo na sua vida.

quinta-feira, junho 07, 2012

Science4you n'A das Artes

Jogos científicos, puzzles 3D e tudo o mais com a garantia da Faculdade de Ciências da Universidade de Lisboa:

Artigo
Preço
Carro dinamo                                                   14,99 €
Artemias                                                       9,99 €
Torre de Belem CONSTRUCAO 3D                                   9,99 €
Torre Eiffel CONSTRUCAO 3D                                     9,99 €
Empire State Building CONSTRUCAO 3D                            9,99 €
CRAZY JELLY metalico MAGNETICO                                 3,51 €
CRAZY JELLY brilha no escuro                                   3,51 €
CRAZY JELLY muda de cor com o calor                            3,51 €
Energia solar em carros                                        19,99 €
Impressoes digitais                                            14,99 €
Kit solar 6 em 1 energias renovaveis                           9,99 €
Ciencia MAGIC4YOU                                              5,99 €
Ilusao MAGIC4YOU                                               5,99 €
Mumias em equilibrio MAGIC4YOU                                 5,99 €
Dados magneticos MAGIC4YOU                                     5,99 €
Caixa magica MAGIC4YOU                                         5,99 €
Ouro e pedras preciosas                                        9,99 €
Ecologia Plantas                                               8,61 €
Puzzle 3 D Aviao solar                                         9,99 €
Puzzle 3 D Esqueleto                                           6,99 €
Puzzle 3 D Golfinho                                            6,99 €
Puzzle 3 D Triceratops                                         6,99 €
Puzzle 3 D Vaivem espacial                                     6,99 €
Puzzle Ossos e musculos                                        6,02 €
Puzzle Reciclagem                                              6,99 €
Puzzle Roda dos alimentos                                      6,99 €
Quimica 200                                                    9,99 €
SID Ciencia das plantas                                        8,61 €
SID Ciencia das quimica                                        8,61 €
SID Ciencia Livro de autocolantes                              4,99 €
SID Ciencia O cerebro controla tudo                            5,99 €
SID Ciencia Os sentidos                                        5,99 €
SID Ciencia Os musculos                                        5,99 €
Telescopio                                                     19,99 €

terça-feira, maio 29, 2012

segunda-feira, maio 28, 2012

José Afonso - novas edições

Já cá estão as novas edições com restauro sonoro e remasterização digital a 24 bits a partir dos masters originais, com textos exclusivos em cada um dos discos de José Afonso. Mais três a juntar aos dois anteriormente colocados à venda. Eis a lista actual:

quinta-feira, abril 26, 2012

Vista o seu livro e leve-o a passear!


Olha que coisa mai'linda!
Depois de esgotada a primeira remessa, o STOCK já foi REPOSTO.

Produtos dub na livraria A das Artes.




Capas de pano - 13,95€
Marcadores de pano - 3,00€



segunda-feira, abril 23, 2012

"O Rato da Europa" n'A das Artes

A editora PÉ DE MOSCA está, desde hoje, na livraria A das Artes, em Sines.
Para já, temos
Boomerang - 27 postais sobre representações da Europa na literatura portuguesa dos séculos XIX a XXI, ou ecos e sombras devolvidos ao remetente, para escrever, enviar e perder" de Pedro Eiras.
e
"Ópera Europa" com textos de Cristina Guimarães.


O Rato da Europa apresenta-se como uma colecção de textos inéditos que pretendem desenvolver, através dos mais variados géneros e feitios, uma reflexão alargada sobre o lugar de Portugal na Europa e a relação de Portugal com essa dita Europa. Se o primeiro problema que se coloca é o de tentar perceber se as duas coisas são ou não a mesma coisa, se este confronto é ou não uma antinomia, outras questões, que daqui decorrem, passarão forçosamente pela aferição das taxas de câmbio entre representações, pela afinação da balança comercial das identidades, pela identificação do que continua a ser contrabando, pela revisão das fronteiras de um horizonte europeu que se define por aquilo que propõe ou que se funda naquilo que interdita. É, pois, urgente saber se chamamos Europa a um acordo de boa vizinhança, que nos permite ir a Bruxelas pedir um raminho de salsa para a tortilha, se a Europa é um diálogo, uma abertura, uma construção colectiva, se é a Europa um projecto político comunitário ou um conjunto de normas sanitárias e de directrizes para a calibragem de maçãs, se a Europa das cruzadas é, hoje, pátria de cavaleiros que se batem pela democracia ou terra de vilões dispostos a tudo pilhar em nome da mesma democracia, se o velho continente se transformou ou não num shopping vigiado, onde os cidadãos se confundem com os consumidores, ou se Europa é, afinal, o nome do arame farpado que estendemos ao longo do Mediterrâneo.
Isto escrevi há pouco mais de dois anos quando lançámos Boomerang, de Pedro Eiras, livro que abriu O Rato da Europa e – assim acreditávamos – seria em breve sucedido por outros que completariam a colecção, multiplicando pontos de vista sobre os mesmos assuntos. Enganámo-nos: o parto da Ópera Europa foi sangrento e demorado. A Europa que aí se opera sofreu profundas transformações desde o momento em que a Regina Guimarães começou a tratar da sua concepção até ao dito parto, a ponto da Europa onde essa outra Europa se pariu ser hoje uma ideia em crise. Esgotou-se a salsa, zangaram-se as comadres e acabaram-se as verdades. Não é que seja preciso ir tão longe para vender um projecto editorial, mas certo é que O Rato da Europa recobrou “actualidade” – o que vale hoje mais do que uma novena –, tanto que a Capital Europeia da Cultura resolveu (e bem, como lhe compete) apoiar a sua impressão."
António Preto
Doutorado em Estudos Cinematográficos.
Professor universitário.